Desafio: liste dez jogos que fizeram alguma diferença na sua vida (1/10)

Está rolando um desafio no Facebook no qual as pessoas desafiadas precisam listar seus dez jogos preferidos, ou dez jogos que fizeram alguma diferença em suas vidas, ou dez jogos que você curtiu por algum motivo etc.

Eu tenho uma lista, que não é a de “melhores jogos” ou “os mais não sei o que”. São dez que eu curti muito jogar e que me vieram à cabeça na hora, sem qualquer ordem de preferência.

Vamos ao primeiro…que rufem os tambores…

Afterburner

Afterburner (arcade)
Lançado em 1987 pela SEGA, é um arcade de simulador de combate aéreo. Você joga dentro de uma cabine estilizada e pilota um F-14 Tomcat para cumprir as missões, destruindo os inimigos e desviando dos tiros e mísseis deles.

O grande barato do jogo, para mim, era que a cabine se mexia conforme as manobras que eu fazia no manche. Claro que não dava um loop, mas já era sensacional (pelo menos para mim). A forma como o som ecoava na cabine era outra coisa que eu adorava e me envolvia bem nas partidas. E dá-lhe fichas…

Li na Wikipedia que houve versões de Afterburner para outras plataformas, como Commodore 64, MS-DOS, MSX, NES, Master System e ZX Spectrum. Eu não tive oportunidade de jogar nenhuma dessas outras e tenho certeza de que não seria possível reproduzir a sensação de estar na cabine que a versão inicial, do arcade, permitia.

Tem um vídeo legal de gameplay que eu achei no Youtube para quem nunca viu (ou jogou) ter uma pequena ideia de como era.

Não percam o próximo jogo, em breve. Se quiser fazer algum comentário fique à vontade. Aproveite e faça sua lista.

Atualização em 13/01/2016: finalmente consegui escrever sobre o segundo jogo. Clique aqui e confira.

Oportunidade: Diversas em Games

O studio de games do SIDIA – Samsung Instituto de Desenvolvimento da Informática está com umas vagas abertas para área de desenvolvimento. É para morar em Manaus e tem que ter um bom nível de inglês. Tem vagas para: Animador 3D, Concept Artist, artista 3D, game engineer, game developer, entre outras. Quem tiver interesse, mande currículo e/ou portfólio EM INGLÊS para o alex.ps@samsung.com

São Paulo sediará festival internacional de games independentes

Uma novidade para quem, além de jogar, é ligado em desenvolvimento de games, é a realização em São Paulo do BIG (Brazilian International Game) Festival durante o período de 29 de novembro a 9 de dezembro no MIS (Museu da Imagem e do Som).

Segundo a organização do evento, o BIG é o primeiro festival de jogos independentes da América Latina e está aberto a desenvolvedores de todas as plataformas, sendo que serão selecionados de 15 a 20 jogos para exposição após um processo de seleção que levará em conta aspectos como arte visual, sonora, narrativa e gameplay.

Além disso, haverá o Desafio 1 Jogo em 24 Horas, no qual cinco equipes de desenvolvedores serão selecionadas para a produção de um jogo em 24 horas, com temática e regras sendo apresentadas apenas no início do desafio.

Os melhores jogos poderão ser jogados pelo público e receberão prêmios (do Juri e do Público).

Além da competição, oportunidade para que os desenvolvedores independentes possam expor seus trabalhos, o BIG ainda terá um espaço para que profissionais do setor possam desenvolver networking, um workshop gratuito de jogos de tabuleiro para crianças de seis a doze anos e uma exposição voltada a escolas.

Para conhecer o BIG e inscrever-se para a competição visite o site oficial do evento.

Segundo número da Acigames Magazine já está disponível

A Acigames (Associação Comercial, Industrial e Cultural de Games) vem desenvolvendo um ótimo trabalho relacionado ao desenvolvimento do mercado brasileiro de jogos digitais com iniciativas que tiveram origem no movimento Jogo Justo (e as várias edições do Dia do Jogo Justo), curadoria do Campus Party, realização de foruns com desenvolvedores e comerciantes e várias outras.

Uma das mais interessantes foi a criação da Acigames Magazine, uma revista gratuita dedicada ao setor e com o objetivo de tratar de temas como cultura, comércio e indústria de games de forma que o gamer e o profissional possam observar essa indústria altamente criativa.

A publicação vem em Português e Inglês, já que se pretende atingir o público de outros países, que já começam a perceber o potencial do mercado brasileiro.

Neste que é o segundo número, a revista apresenta uma entrevista com o CEO da Hive, considerada a maior desenvolvedora de games no Brasil, a crescente curva do mercado brasileiro de games, o caso do projeto de lei do senador Valdir Raupp, games e educação, comportamento e games e vários outros artigos e matérias de grande relevância.

A revista pode ser obtida gratuitamente para Android, iOS e PDF a partir do site http://www.acigamesmagazine.com.br/

Boa leitura.

Morreu o responsável pela principal inovação nos pinballs

Coisas da vida. O responsável pela principal inovação nas máquinas de pinball, Steven Frank Kordek, morreu em 19/02/2012 aos 100 anos de idade em uma casa de saúde no estado de Illinois (EUA) após uma carreira no ramo que durou mais de 50 anos e incluiu mais de 100 jogos de pinball desenvolvidos, dentre eles os famosos Space Mission e Grand Prix.

Steve Kordek, morreu aos 100 anos de idade

Continuar lendo